Beneficiação e melhoramentos em várias ruas e acessos

2011-11-22
Beneficiação e melhoramentos em várias ruas e acessos
A Junta de Freguesia tem levado a efeito várias melhorias e arranjos importantes em várias ruas, acessos e caminhos da freguesia. Por agora, damos conta de dois importantes casos de beneficiação.

Um deles localiza-se no lugar das Bouças (Lourosa), e beneficiou os moradores daquele lugar, em especial um deles com mobilidade reduzida, que tinham um acesso muito degradado e problemático.

O outro é a Rua da Pertença, que apesar de alargada já há alguns anos, o seu piso deixava muito a desejar, sendo que bem poucas seriam as viaturas impunes depois de feita a íngreme subida.

Acesso no lugar das Bouças  - ANTES do melhoramentoAcesso no lugar das Bouças  - DEPOIS do melhoramentoAcesso no lugar das Bouças  - DEPOIS do melhoramentoBeneficiação da Rua da PertençaBeneficiação da Rua da Pertença
A bem dizer, só um "jeep" conseguia circular sem problemas neste acesso. Logo à entrada da “rua” (agora pode e deve ser sem aspas), havia como que um sinal impeditivo, tal era o estado que apresentava.

Porque naquela artéria moram alguns deficientes, alguns deles a precisarem de vir ao médico, entre outras deslocações, esta Junta entendeu que seria de melhorar tal acesso, razão porque recentemente foi reparada tal situação.

Agora, tal melhoramento salta à vista de todos quantos circulam na ligação a Lourosa e a própria Junta pode dizer que existe, de facto, a Rua da Pertença na nossa localidade.


Em relação ao caso do lugar das Bouças, de há algum tempo a esta parte, esta Junta teve conhecimento de que neste lugar, mora um nosso conterrâneo, deveras carenciado, ao ponto de necessitar que a sua mãe, já de idade avançada, o movimente numa cadeira de rodas.

E como até há poucos dias o percurso que existe entre a porta da casa onde moram e a estrada era de um piso muito irregular, sendo que tinha que ser percorrido sempre que tivesse de se deslocar ao médico ou ao sector de enfermagem, foi beneficiado convenientemente.

Agora, é algo mais fácil a ingrata tarefa que tem, diariamente, aquela nossa conterrânea.

Será pouco, mas a Junta sente-se ciente de que terá dado o seu contributo, de modo a suavizar a dolorosa vivência de um e outro nespereirenses, restando-nos augurar uma vivência aceitável a quem é tão carenciado, conhecido por José do Valentim.

Adicionar comentário